IMG_20200723_112235.jpg

Rui Horta Pereira ( Évora-1975) 

O meu trabalho criativo é indissociável do processo e da experiência. Concebo-o como um elemento de mediação, elemento privilegiado de ligação ao quotidiano, à ciência,  à educação.  Encaro-o como um poema automático ao qual escapa o sentido, que acolhe, ingenuidades, convicções, desejos, informações diversas,  que procura explicações na mesma medida  que procura explicar-se.

A motivação  é o ato criativo, a descoberta, a tentativa, o erro, a aprendizagem e por fim  o resultado. Conceitos e referentes caminham a par sem obediência ou prevalência de uns sobre outros. A intenção é manter ativa a espontaneidade, absorvendo interferências, questionando padrões de execução,  debelando as armadilhas, jogando com o acaso, com o espaço, com a representação, com a luz.

Sinto-me como um equilibrista, um autor em permanente de-autorização.

A arte tem que comunicar livremente, tem que ser livre, livre do seu criador.


É formado em Escultura pela FBAUL/Lisboa.

Colabora desde o 2000 como Mediador e criador de oficinas, workshops acções e visitas com diversas instituições entre as quais CCB/CPA, FCG, Centro Cultural de Cascais Fundação D. Luís I, Centro Cultural Ponte de Sor, Porta 33, Associação Pó-de-vir-a-ser Évora.

 Nos últimos anos obteve apoios à criação de algumas entidades, entre as quais a F. C. Gulbenkian e a DGArtes.

É representado pela Galeria das Salgadeiras.

 

Exposições individuais

 

A maioria das pedras não tem fôlego e etc, Galeria das Salgadeiras Lisboa, 2020

Mapa Luga, uma Lacuna, Centro Cultural de Cascais, 2019 

Solaris, Casa das Artes Tavira, 2018 

Eco, Fundação Bienal Cerveira (Projecto novos Artistas), 2018

Mergulho, Galeria das Salgadeiras, Lisboa, 2018 

Opaco, Biblioteca FCT NOVA 2018 

Sono, CIAJG Guimarães 2018

Cenário, Escultura Pública realizada no âmbito do festival Artes à Rua com a associação Pó-de-Vir-a-Ser, Évora 2017

Horas Vagas, CaC em Ponte de Sor 2017

Hífen-Modo Composto, CaC em Ponte de Sor 2016 

É, Fundação Carmona e Costa, curadoria de Nuno Faria, Lisboa 2016

Erosão, Convento Cristo, Tomar 2015

Turvo, Galeria 3+1, Lisboa 2014 

Around, Galeria Quadrum, Lisboa 2013

Remanescente, Galeria 3+1, Lisboa 2011

O Frágil culto do desenho, Torres Vedras 2011

Tudo aquilo que cair da mesa para o chão, Quase Galeria, Porto 2010

Linda Fantasia, Carpe Diem Arte e Pesquisa, Lisboa 2010

 

Exposições Colectivas

Earthkeeping Earthshaking  Curadoria de Giulia Lamoni e Vanessa Badagliacca, Galeria Quadrum Lisboa, 2020

Polifónica 3ª Residência de 2020 na Porta33, Projeto expositivo de Rui Horta Pereira e Filipa Vala com uma forte vertente científica e pedagógica: acolhe a participação de alunos da Unidade Curricular de Laboratório de Desenho I, do primeiro ano da licenciatura em Artes Visuais da Universidade da Madeira, sob orientação do docente João Gonçalves e de um grupo de trabalho, constituído pelos frequentadores do Atelier de Desenho da Porta33, orientado por Luísa Spínola

Cúmulo-Nimbo (escultura pública) projeto desenvolvido com Maria Ilhéu para o Festival Artes à Rua – Mais sustentável, Évora 2019

Ater, Galeria das Salgadeiras, Lisboa 2019 

Studiolo XXI, curadoria Fátima Lambert, Fundação Eugénio de Almeida, Évora 2019

Apresentação de Caminho proposta para Mais importante que desenhar é afiar o lápis, seminário de Desenho Concepção de Nuno Faria, Porta 33, Funchal 2019 

Call for Papers, Curadoria de Helena Mendes Pereira, Zet Gallery, Braga 

Apresentação e conversa no âmbito no Espaço Editorial da DRL sobre o livro de Artista Lepisma Saccharina , a convite de Maria do Mar Fazenda curadora convidada para a edição do Portefólio português tema do segundo número da papeleo, cuadernos drawing room que antecipou a primeira edição da Drawing Room Lisboa, organização Maria do Mar Fazenda e  Filipa Valadares, 2018 

A Evolução do Braço, Curadoria Nuno Faria, Museu Municipal de Faro, 2018 

Processos em trânsito/ Livros de Artista, Curadoria Sobral Centeno, CM Matosinhos, 2018 

Portugal em Flagrante, Operação 1, Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa 2016 

Os Índios da meia Praia, Curadoria de Abdul Varetti, Mediação de Nuno Faria, Galeria 111, Lisboa  2016

Outros Projectos

Colaboração CPS Criação de serigrafias, 2020 

Cooperativa Árvore, projeto de criação e produção de pratos cerâmicos originais, 2020 

Residência Morgado do Quintão e criação de Rótulo, 2019

 

Colecções privadas e públicas

Colecção Fundação Carmona e Costa

Colecção Tiqui Atencio

Colecção Arte Contemporânea Tróia Design Hotel

Colecção Regina Pinho Brasil 

Colección Art Fairs SL, Espanha

Colecção Biblioteca de Arte Fundação Calouste Gulbenkian

Colecção Figueiredo Ribeiro

Colecção Berardo

Coleção PMLJ

Colecção Luís Ferreira 

Colecção Carlos Garaicoa

Feiras

 

Just Mad, Stand Galeria Salgadeiras, 2019, 2020

Just LX, Stand Galeria Salgadeiras, 2019

Drawing Room, Stand Galeria das Salgadeiras 2020


Bibliografia

Almeida, Marina, “O Discreto transformador da matéria sobrante”, Diário de Noticias, Artes, 10/08/2017

Faria, Nuno, “Copiar é uma ideia barata, O projecto global de desenho de Rui Horta Pereira”,

Texto do catálogo da exposição “É” realizada na Fundação Carmona e Costa entre 9 de Janeiro e 20 de Fevereiro de 2016
Fazenda, Maria do Mar, PAPELEO, Portefólio Português 2, Cuadernos Drawing Room, 2018
Lambert, Mª de Fátima,  “Silêncio,desenho e alma da matéria” , texto da brochura  da exposição  Tudo aquilo que cair da mesa para o chão, 2010
Lambert, Mª de Fátima, “Remanescendo”, Programa Molduras;

Matos, Ana, Texto folha de sala exposição “A maioria das pedras não tem fôlego e etc”, Galeria das Salgadeiras, Lisboa, 2020;
Matos, Ana, Texto folha de sala exposição “Mergulho”, Galeria das Salgadeiras, Lisboa, 7/06 a 28/07/2019
Martins, Celso,  sobre a expo “Around” - suplemento Actual de 30 de novembro de 2013;
Martins, Celso, “Apagar para revelar”, Jornal Expresso - Suplemento Actual, 7 Fev. 2009
Martins, Celso, “Arte na Avenida”, Jornal Expresso - Suplemento Actual, 25 Julho 2009
Oliveira, Filipa, texto da exposição Junho Das Artes, Óbidos, 2010
Oliveira, LuÍsa Soares, Texto folha de Sala da exposição “Mapa Luga, uma lacuna”, Centro Cultural de Cascais, 2019
Parreira, Sérgio, Entrevista ArteCapital, 14/03/2019
Pereira, Helena, Texto da exposição “Call for Papers”, 12/01 a 2/03/2019, ZetGallery, Braga;
Ponte, Catarina da, Entrevista da brochura da exposição “Erosão”, Convento Cristo Tomar, 2015;

Porfírio, José Luís, Texto sobre a exposição “A Maioria das Pedras não tem fôlego e etc”, Revista do Jornal Expresso, 2020;
Porfírio, José Luís, Texto sobre a exposição “Mergulho”, Revista do Jornal Expresso, 2018;
Reis, Paulo, O desenho como dimensão do tempo, texto da exposição “Artificializar”, Giefarte, Lisboa, 2009;
Sousa, Rocha de, Desenhar e Artificializar, Jornal de Letras, 10 Março 2009.